35anos barrra.png
35anos barrra.png
  

O envelhecimento do campo

14 Agosto 2018 17:23:00

O setor rural, apesar da pujança do agronegócio, não oferece segurança de renda



Não chega a ser uma novidade que os trabalhadores do campo estão envelhecendo sem que os mais jovens deem continuidade à função. Cada vez mais, os filhos e netos estão saindo das propriedades rurais para seguir por outros caminhos profissionais, sendo preocupante para a continuidade da atividade. 

Em recente pesquisa do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), que realizou o Censo Agropecuário 2017, descobriu-se que, na região de Curitibanos, somente 4,2% dos trabalhadores rurais estão abaixo dos 30 anos, acendendo uma luz amarela no campo regional. Os resultados são preliminares, mas já alertam para a necessidade de incentivo para que os jovens permaneçam trabalhando nas propriedades de suas famílias, dando continuidade a trabalho tão fundamental quanto as produções realizadas no campo, responsáveis por boa parte dos alimentos consumidos todos os dias.

Por muito tempo, a região foi exclusivamente agrícola e é recente o despertar para outras áreas, mas não esquecer suas raízes é o segredo de sucesso tanto para economia, quanto para que o setor agropecuário não seja defasado com o passar dos anos.

Ainda segundo o Censo, 36,4% dos produtores estão acima dos 60 anos e 59,3% estão entre 30 e 60 anos, sendo a grande maioria, 87%, composto por homens no trabalho rural, também alertando para necessidade de criar alternativas para que as mulheres também sigam por este caminho de trabalho.

O setor rural, apesar da pujança do agronegócio, não oferece segurança de renda, uma vez que todos os anos, as condições climáticas são diferentes e o mercado nem sempre segue favorável, com preços instáveis e oscilantes a cada safra. É um setor de muito trabalho e retorno incerto, mas sempre com mercado disponível. Graças à tecnologia, que avança a cada ano, o trabalho que antes era braçal está ficando mais fácil, mas alternativas ainda devem ser pensadas, para que o envelhecimento dos trabalhadores do campo tenha números mais favoráveis a continuidade da função.



OculoseCia.gif
ConexaoMaster.gif

JORNAL "A SEMANA"
Rua Daniel Moraes, 50, bairro Aparecida
89520-000  -  Curitibanos/SC  -  (49) 3245-1711