37 anos.png
37 anos.png
  
ATENÇÃO

Alerta para número de mortes por afogamento

No estado, a região de Curitibanos foi a segunda que mais registrou ocorrências no último verão

Renata Westphal


(Foto: Corpo de Bombeiros de Curitibano) /

O Corpo de Bombeiros encerrou a operação veraneio, contabilizando 49 ocorrências de afogamentos com mortes em todo o Estado. Desse total, 33 aconteceram em água doce e, só na região atendida pelo 2º Batalhão de Bombeiros Militar (2º BBM) de Curitibanos, oito pessoas perderam a vida neste último Verão em decorrência de afogamentos. 

O alto número de mortes no Estado fez com o que o Corpo de Bombeiros de Santa Catarina acendesse um alerta para o assunto. No fim de março, o Conselho Estratégico do Corpo de Bombeiros reuniu-se para organizar ações de prevenção de ocorrências de afogamentos, já pensando na temporada de Verão 2019/2020. 

De acordo com os registros, a região do 2º BBM foi a segunda em afogamentos com mortes de novembro de 2018 a março deste ano. Segundo o tenente-coronel Paulo Diniz Arruda Nunes, o alto número de ocorrências registradas na região está diretamente ligado com o extenso período de altas temperaturas e a abrangência da área onde o Batalhão atua. "Dessas ocorrências registradas, tivemos casos no extremo sul da região, em Abdon Batista, e no outro extremo, em Timbó Grande, quase fronteira com o Paraná", explicou o coronel. 

Segundo Diniz, durante a reunião, a Coordenadoria de Salvamento Aquático de Santa Catarina pediu um mapeamento dos possíveis locais de risco em todas as regiões, que, em seguida serão classificados e, depois, receberão ações de prevenção de afogamentos. O prazo para que essa primeira ação aconteça é até junho deste ano, para que, até o início do próximo Verão, as medidas já estejam sendo aplicadas. De acordo com o coronel, placas de orientações devem ser instaladas nos pontos que os banhistas costumam frequentar. 

Números

De acordo com os registros dos últimos cinco anos, essa última temporada de Verão registrou o maior número de mortes por afogamentos na região. Desde 2014, 29 pessoas perderam a vida afogadas em localidades atendidas pelo 2º BBM, só durante o Verão.

Entre as operações veraneio de 2014/2015 e 2016/2017, 14 pessoas afogaram-se; em 2016/2017, cinco pessoas morreram; em 2017/2018, duas pessoas perderam a vida; e, no último Verão, sete ocorrências com mortes foram registradas, sendo que uma teve um duplo afogamento. 

Dicas para nadar em segurança em água doce

- Não superestime sua capacidade de nadar;

- Tenha sempre atenção com as crianças;

- Nade longe de pedras, estacas ou píeres;

- Evite ingerir bebidas alcoólicas antes de nadar;

- Nunca tente salvar alguém se você não for preparado para fazê-lo; 


OculoseCia.gif
Conexão master site.png

Jornal "A Semana" | Rua Daniel Moraes, 50, bairro Aparecida | 89520-000 | Curitibanos | (49) 3245-1711