35anos barrra.png
35anos barrra.png
  
AÇÃO CONJUNTA

Foco de raiva alerta produtores

04 Dezembro 2018 16:15:00

Há mais de 30 anos, a região não registrava casos da doença

Rubiane Lima


AÇÃO CONJUNTA. Cidasc e Prefeitura reuniram-se para adotar medidas de prevenção (Foto: Rubiane Lima) /

Dois focos de raiva bovina foram encontrados na região Meio-Oeste de Santa Catarina, um em Campos Novos e um em Curitibanos, entre Cabaçais e Cerro Alegre, alertando para a necessidade de vacina dos rebanhos. Em reunião hoje (4), a Companhia Integrada de Desenvolvimento Agrícola de Santa Catarina (Cidasc) e Prefeitura de Curitibanos traçaram ações para impedir a proliferação da doença.

Há mais de 30 anos, não havia registros de raiva bovina na região e, segundo o médico veterinário da Cidasc Fábio de Carvalho Pereira, não há necessidade de pânico, pois a Cidasc faz trabalho de vigilância constante e, descoberto o foco, já estão sendo tomadas atitudes para evitar a proliferação. Ele explicou que o procedimento inicial é o levantamento de dados, como número de propriedades num raio de 12 quilômetros do foco, animais mortos no período de 90 dias e animais com sintomas da doença.

 "Não tem como acabar com a doença, pela maneira como é transmitida e toda cadeia epidemiológica, mas pode-se evitar com a vacinação", reforçou, lembrando que o grande problema da raiva, além da perda de produção, é a saúde pública, pois é uma doença de mamíferos, incluindo seres humanos, e é fatal. "A partir dos sintomas, 99% é certeza que haverá óbito", declarou.

Sobre a doença

A raiva pode atingir a maioria dos mamíferos domésticos e silvestres, incluindo a espécie humana. É irreversível, com lesão progressiva do sistema nervoso central e morte.

A transmissão geralmente ocorre pela saliva dos animais infectados, mas é possível contrair pelo contato com o sangue e saliva em mucosas.

- Saiba na edição impressa desta sexta-feira (7), quais são os sintomas e como é a vacinação.





OculoseCia.gif
ConexaoMaster.gif

JORNAL "A SEMANA"
Rua Daniel Moraes, 50, bairro Aparecida
89520-000  -  Curitibanos/SC  -  (49) 3245-1711