37 anos.png
37 anos.png
  
banner-ki-sbaor.png
pc.png
VARIEDADES

Dia Internacional do Idoso: Jovens da cabeça ao pés

Moradoras de Curitibanos destacam segredos para saúde na terceira idade

Por Renata Westphal


Adenildes Lucas destaca o estilo de vida como segredo para uma boa terceira idade (Foto: Renata Westphal) 

Provando que idade não rotula nenhuma possibilidade, as curitibanenses Adenildes Maria Lucas e Terezinha de Jesus Fogaça, integrantes do Grupo Coração Serrano, distribuem sorrisos ao falar da vida após os 60 anos. As amigas, que fazem parte dos mais de 60 idosos que compõem a associação, comemoram esta quinta-feira (1), marcada pelo Dia Internacional do Idoso.

De sorriso muito fácil e esbanjando bom humor, aos 64 anos, Adenildes garante que vive sua melhor fase. Casada há 44 anos com Hélio Maciel Lucas, mãe de dois filhos e avó de três netos, diz que o segredo para a boa vivência durante a terceira idade está em sempre se manter ativa. "A idade está na cabeça! O importante é nos mantermos ativos. Duas vezes por semana eu e meu marido nos reunimos com o grupo e fazemos exercícios. Durante a pandemia, o neto está morando conosco e por isso só eu estou frequentando as aulas, mas sempre nos mantemos ocupados", revela Adenildes, que ama cuidar das fl ores do seu jardim, costurar, produzir patchwork, crochê e brincar com o neto.

Além das atividades em casa, a moradora do bairro Santo Antônio destaca a atividade física como um importante aliado para uma vida feliz. Ela participa das aulas com o grupo na Stadium Academia e costuma caminhar com o neto. "O mais difícil de tudo durante a pandemia está em ficar longe das pessoas, a falta de contato mudou tudo, eu e meu marido sentimos muita falta dos bailes, que nunca perdíamos e nossas idas ao sítio", conta, ainda, que grande parte da família mora no interior e desde março os parentes não se encontram. Adenildes trabalhou na agricultura durante toda a vida e morou em área rural na divisa entre Curitibanos e Fraiburgo, quando o casal se aposentou, eles vieram morar na área central da cidade. Modernos, todos os integrantes do grupo misturam as lembranças da juventude com a agilidade da tecnologia. Adeptos das redes sociais e WhatsApp, o grupo mantém contato on-line. "O grupo de risco não tem a ver somente com a idade, a saúde também depende de emocional, psicológico e condição física, os idosos não merecem fi car isolados e perder o direito de ir e vir. É preciso que eles sejam cuidados e se mantenham ativos", destaca a educadora física Marli Dias, que é diretora social do Coração Serrano. 

Para Terezinha amor pela família também faz parte da boa vivência dos idosos. (Foto: Renata Westphal) /

Demonstrando a importância da socialização, a curitibanense Terezinha Fogaça comemorou em dobro quando completou 60 anos, por finalmente poder fazer parte da associação da qual já frequentava antes mesmo de atingir a terceira idade. "Antes eu me sentia muito deprimida e tinha dores pelo corpo. Mantendo contato com os amigos do grupo a vida passou a fi car mais leve" conta Terezinha, que hoje, aos 67 anos, é mãe de três filhos e tem sete netos. "Minha família também é o que torna essa fase melhor ainda, meus netos são minha paixão e orgulho", conta Terezinha com os olhos marejados de emoção. 

Os idosos do grupo também contribuem no dia a dia de idosos cadastrados na Assistência Social de Curitibanos e se tornam "anjos", enviando mensagens diárias como forma de cuidado e carinho com outras pessoas. 

Programação 

Em comemoração ao Dia Internacional do Idoso, o grupo Coração Serrano prepara programação para conscientização sobre os cuidados e direitos dos idosos. A partir da próxima segunda-feira (5) haverá interseções em rádios para que especialistas comentem sobre assuntos direcionados à terceira idade, incluindo atividade física, assistencialismo, legislação, acolhimento e convivência. 

O grupo

Qualquer idoso pode fazer parte do Grupo Coração Serrano, as atividades físicas acontecem todas as terças e quintas-feiras das 13h30' às 14h30', a mensalidade é de R$ 10, os idosos também recebem atividades via celular. Interessados em se inscrever podem entrar em contato através do número (49) 99951-1184.


OculoseCia.gif
Conexão master site.png

Jornal "A Semana" | Rua Daniel Moraes, 50, bairro Aparecida | 89520-000 | Curitibanos | (49) 3245-1711