Curitibanos,
35anos barrra.png
35anos barrra.png
  

Copa do Mundo invade a sala de aula

06 Julho 2018 08:57:00

Brasil enfrenta a Bélgica nesta sexta (6)

Kalyane Alves


CONTEÚDOS. Professora utilizou o tema Copa do Mundo em diversas matérias


Brasileiros estão na expectativa para esta sexta-feira (6), quando o Brasil entra em campo contra a Bélgica, às 15 horas, depois de vencer a equipe do México na última segunda-feira (2), por 2 a 0, classificando-se para as quartas de final da Copa do Mundo de Futebol 2018, na Rússia.

Em ritmo de Copa do Mundo, nas escolas, professores aproveitaram o tema para trabalhar conteúdos em sala de aula. A professora Dilara Sell, do 4º2, do Núcleo Municipal Rotary, reuniu português, matemática, artes e conhecimentos gerais sobre a Copa do Mundo.

"Aproveitei o momento para trazer significados

desse assunto do momento", relatou a professora.

Resultante dos estudos, a turma construiu o lapbook (livro com abas), que une conhecimentos sobre a Rússia; um cubo, em que cada face mostra alguma informação referente à Copa do Mundo, como a Seleção Brasileira e bandeiras; separaram em um mapa, através dos continentes, as 32 seleções que estão na competição; fizeram obras de arte, como a construção das matrioskas; montaram um campo de futebol e trabalharam linhas, geometria e simetria; e, para finalizar, desenharam os jogadores para trabalhar os números pares e ímpares.

Segundo a professora, os alunos descobriram curiosidades sobre os países. "Os alunos assistiam programas, liam jornais e traziam novidades. É o momento em que estamos vivenciando, é uma paixão nacional. Eles vem para a sala com a vontade de estudar, isso é muito válido, anima os alunos e as aulas", salientou Dilara.

No CEI Dr. Alfredo Lemser, com atividades integradas à Feira do Conhecimento, as professoras Mariane Larissa Rathje, Izabel Cristina de Andrade Lemos e Noellenn Mayara Carvalho Maia, fizeram o projeto com o Maternal II C, voltado à Copa do Mundo. De acordo com as professoras, trabalharam sobre a bandeira, países, taça, medalhas, mapa mundi, mascote e fizeram pipas com a colaboração dos pais.

Para a diretora do CEI Izabel Cristina Januário Ribeiro, é importante ensinar as crianças sobre o esporte e competição desde cedo.

"Eles precisam entender que o esporte faz parte da vida deles, tanto na saúde quanto no conhecimento. É necessário aprenderem que o fundamental é competir de forma saudável, independentemente de vencer ou não", frisou a diretora.


OculoseCia.gif
ConexaoMaster.gif

JORNAL "A SEMANA"
Rua Daniel Moraes, 50, bairro Aparecida
89520-000  -  Curitibanos/SC  -  (49) 3245-1711