Curitibanos,
logo35.png
a semana-logo.png
redes.jpg

Memórias curitibanenses

10 Dezembro 2017 11:39:00

Miltom Pires de Almeida

Miltom nasceu na localidade do Guarda Mor, em Curitibanos, em 29 de janeiro de 1923, filho de Henrique Pereira de Almeida e Maria Cândida Pires de Almeida. Casou-se com Carlota Pires de Almeida e tiveram 5 filhos: José Edmilso, Antônio Henrique, Maria Terezinha, João Batista e Vera Aparecida.

Aprendeu, jovem, a lida de campo na fazenda da família no Guarda Mor, sendo na pecuária ou agricultura. Adquiriu vasta experiência na doma de mulas, tropeiro de gado, mulas e porcos. Com as tropas de mulas, percorria o tortuoso caminho para a venda em Ponta Grossa (PR). Também em mulas com cargueiros (tropa arreada), fazia o trajeto perigoso ao litoral catarinense, trazendo produtos de consumo da família e para abastecer os armazéns de Curitibanos e região.

Seguindo o famoso caminho das tropas, levava e vendia boiada em Palmas (PR). Porém, destacou-se como tropeiro de porcos (atividade pouco conhecida nos demais estados do Brasil), conduzindo-os até Videira para a Empresa Polzoni e Brandalize, que, depois de alguns anos, tornou-se o Grupo Perdigão S/A. Importante detalhar: os animais eram tropeados a pé, os xucros tinham seus olhos costurados e assim seguiam o madrinheiro e os porcos mais mansos pelo cheiro, e ouvindo o barulho dos cestos de milho até o destino. Não alimentavam os porcos no trajeto, evitando que debandassem para o mato, perdendo o controle da tropa. Nas empresas, ficavam na engorda, recuperando o peso perdido na viagem e, em seguida, abatidos.

Participou do breve documentário do caminho das tropas, com o repórter Renato de Biasi, da Globo News, onde conta sobre suas tropeadas em rede nacional. A Câmara de Vereadores concedeu a Comenda da Ordem Curitibanense, por seu relevante trabalho em prol do progresso de Curitibanos.

Miltom Pires de Almeida faleceu em 29 de junho de 2005, com 83 anos. Deixou um grande legado de honestidade, amor pela família, amigos e muitas histórias de sua vida de tropeiro, que até o presente momento são lembradas, seja em relatos ou documentos.

Cantor Marcos Roberto, Sid, Pichachau, Rogério Lima, Odir Antonio, Tony, Pedro, Saga - Programa Cantando Pra Minha Terra - Rádio Coroado AM 1976.

Nelson, Barrichello, Sidnei, Scardueli, Hartmann, Erley e Preto - Colégio Casimiro de Abreu 1964.

Paula Carvalho - Princesa Inter Bairros no Clube Colonial 1989 e Mara Leila Coelho - Concurso de Rainha Comerciária no Clube 7 de Setembro em 1988.

Raquel Trisciane Brandt - Miss Curitibanos 1996 e Solange Dacol Pellizzaro - Miss Curitibanos 1987.

Wanderlei Perdoncini, Ivan Dolberth Jr, Volnei Marx de Moraes, Valdir Lemos de Carvalho, Edvaldo Silva e Rubens José da Silva.

OculoseCia.gif
ConexaoMaster.gif


 

INFORMAÇÕES E CONTATO

Rua Daniel Moraes, 50, Bairro Nossa Senhora Aparecida - 89520-000 - Curitibanos/SC (49) 3245.1711

Copyright © 2015 A SEMANA EDITORA LTDA. Todos os direitos reservados.