Curitibanos,

Afonso Dotti

18 Junho 2017 15:11:01

Sebastião Luiz Alves

Afonso nasceu em Vila Segredo, distrito de Vacaria (RS), em 2 de junho de 1898, filho de José Dotti e Lucila Canã Dotti, imigrantes de Mantova - Itália, sobrevivem da produção agrícola em sua propriedade. Contrai matrimônio com Lúcia Mondadori e são agraciados com sete filhos: Italo, Valter, Clovis, Lucila, Enedina, Gloria e Américo.

Encontra muitos pinheiros seculares em Palmares (Brunópolis), ideal para montar a sua sonhada serraria. Retorna à Vila e convida o sócio Afonso. Informa haver espaço para casas comerciais em Curitibanos, que possuía somente a Casa Ortiz, propriedade de Felisbino Alves Ortiz, que vendia secos (tecidos, rendinhas, louças, panelas, ferragens, entre outros), e o Armazém Sbravatti, propriedade de Napoleão Sbravatti, que vendia molhados (alimentos em geral, bebidas, fumo, grãos, entre outros).

A família Dotti chega a Curitibanos, em 10 de novembro de 1943, e adquire o imóvel na Rua Lauro Müller, fazendo divisa com a Praça revitalizada, ainda não nominada (sugeridos os nomes: Lauro Müller, Salomão Carneiro de Almeida, Rui Barbosa e Nereu Ramos. Nereu é escolhido, mas foi e ainda é popularmente conhecida por Praça dos Dotti).

No local, estava sendo construído um casarão para abrigar o hospital. Nele, abriram o Armazém Dotti, inovando com a união dos produtos de secos e molhados. Criam conta aos consumidores com pagamento mensal, outros ao término da safra ou na venda do gado, havendo clientes que chegavam a fazer compras das necessidades diárias uma vez por ano, visto que era comum a estocagem de produtos.

Lucia, Afonso e filhos trabalham duramente e prospera de forma significativa; o Armazém adquire popularidade regional. A Praça Nereu Ramos (Praça dos Dotti) era cercada por arame e tinha lugar para amarrar os animais com seus cargueiros.

Membro fundador e 1° presidente da Acic, Afonso ocupou o cargo de vereador em Vacaria, antes de vir para Curitibanos. Decide candidatar-se a vereador, sendo eleito no mandato de 1959/1963. Mas, em 1961, candidata-se a prefeito, perdendo a eleição ao concorrente Hélio Anjos Ortiz.

Ocupa a Presidência da Hidroelétrica do Pery S/A (HEPSA), no Rio Canoas, em 1959/1965. O deputado estadual Altir Webber de Mello intermedia audiência com o governador Celso Ramos, recebendo os membros da diretoria em Florianópolis, em 1961, visando à construção com capital misto. No mesmo ano, é fundada a Companhia de Eletricidade do Pery (Cipel, atual Celesc). Na inauguração da Hidroelétrica do Pery, em 1965, Afonso assume a cerimônia da homenagem do busto de Celso Ramos na Praça que leva o nome do pai, Nereu Ramos.

Lucia Mondadori Dotti falece consequente de um câncer no fígado, em 1965. Afonso Dotti falece por um infarto fulminante em 15 de agosto de 1968.


OculoseCia.gif
ConexaoMaster.gif


 

INFORMAÇÕES E CONTATO

Rua Daniel Moraes, 50, Bairro Nossa Senhora Aparecida - 89520-000 - Curitibanos/SC (49) 3245.1711

Copyright © 2015 A SEMANA EDITORA LTDA. Todos os direitos reservados.