Curitibanos,
logo35.png
a semana-logo.png
redes.jpg
CarlosHomem.jpg

Gedéis

01 Outubro 2017 17:36:00

Carlos Homem

Claro que você quando viu aquela fotografia mostrando 51 milhões de gedéis, pensou, assim como também pensei: Mas que cara imbecil! Como é que vai deixar uma grana daquela, em gedéis vivos, amontoados num apartamento, dentro de caixas de papelão como se fossem roupas usadas para doação? Primeiro deixe-me explicar o termo imbecil, que aqui não quer dizer burrice, estupidez, ignorância. Neste caso significa prepotência, arrogância, sensação de impunidade.O imperador Marco Aurélio (nada a ver com o Ministro), quando caminhava pelas ruas de Roma, gostava de cochichar no ouvido de um escravo: Tu és apenas um mortal! Fazia isso para ele próprio sentir-se um deus. Julgava-se acima de tudo e de todos. Inatingível! Daí, para um homem pensar que não comete erros é apenas um passo.


Então, antes de qualquer coisa, deixem-me perguntar: O quêvocê, leitor sabido, faria com 51 milhões de gedéis em espécie, adquiridos de forma não muito republicana? Vamos, pense, diga? Vou facilitar. Digamos que você queira esconder apenas um milhão de gedéis em grana viva, surrupiados. Faz o quê? Depositar num banco não dá! Guardar num fundo falso de algum armário, dentro da porta da geladeira, embaixo da banheira, na forração do sofá, num cofre embutido na parede e escondido atrás de um quadro? É tudo muito óbvio! E se acontecer um incêndio, uma enchente, vendaval? Enterrar? Onde? E a chuva, e os cachorros? Dinheiro mofa. Quem sabe dentro de caixas de abelhas, deixando espaço para a labuta delas. Ninguém poderia imaginar isso e nem teria coragem de chegar perto para conferir. Daí, com medo da morte que não avisa, você deve compartilhar esse segredo com alguém. Se você buzinar e ninguém souber, a grana se perde. Então, em quem confiar? Tratando-se de dinheiro, quem confia em quem? Comprar imóveis, carros, viagens? Ótimo! Masvai justificar esses gastos extravagantes diante do Imposto de Renda, dos amigos e dos familiares como? Parente sempre tem um por perto pra botar o nariz e o olho gordo onde não deve. Basta fazer uma reforma na casa ou comprar um carro novo que os vizinhos já começam a falar que você "só pode tá roubando".Como dizia o poeta, nenhum homem é uma ilha. Muitos gedéis e o cérebro podem e são problemas para o cidadão. No entanto, humano que somos sempre fica a impressão de que se tanta grana fosse nossa, daríamos um jeito próprio e infalível para escondê-la. Achamos que somos espertos. Ledo engano! 


OculoseCia.gif
ConexaoMaster.gif


 

INFORMAÇÕES E CONTATO

Rua Daniel Moraes, 50, Bairro Nossa Senhora Aparecida - 89520-000 - Curitibanos/SC (49) 3245.1711

Copyright © 2015 A SEMANA EDITORA LTDA. Todos os direitos reservados.