ASemana 36 anos.png
ASemana 36 anos.png
  
ARMADILHAS DA LÍNGUA

Os 'Res' DA VIDA

20 Novembro 2018 17:21:00


(Imagem: Divulgação) /

Em tempos de pressa e rapidez... De comida fast food e trânsito congestionado (mesmo por aqui) de olhares baixos para telas pequenas e coloridas, de relações superficiais e momentâneas (encerradas, às vezes, via whatsApp), há uma corrente ganhando adeptos por todo o mundo que orienta para uma vida mais simples.

Não estou falando da simplicidade por falta ou precariedade, mas sim aquele por escolha... Pensar em economizar o planeta, em reutilizar e em curtir os momentos são práticas que, cada vez mais, vemos incluídas nos textos publicitários que querem nos vender viagens, carros e produtos que nos deixariam com mais tempo para curtir as coisas boas da vida (segundo a publicidade).

Nesses tempos de reutilizar, não é difícil conversarmos com alguém que já fez algum objeto ou reforma baseado em vídeos e dicas da internet. A popularização do "faça você mesmo" ganhou status de ser simples e econômico, mesmo que não o seja.

O prefixo latino RE cabe bem nessa nossa conversa: 

Reinventar reerguer repaginar

Reabastecer reestruturar repensar

Reapresentar reaver rebuscar

Ressignificar reidratar retornar

Reequilibrar rever reiniciar

Esse prefixo indica a ação de repetição ou retroativa (ainda com RE, percebeu, leitor?).

Nessa onda, muitas vezes nos sentimos como peixe fora d'água... 

Como assim me reinventar? Como assim ressignificar a minha vida? 

E de RE em RE vamos fazendo aquilo que a sociedade nos impõe como verdade.

Já não somos nós. Somo nossa reinvenção, repaginada, reidratada, ressignificada, revista, repensada... Enfim, um novo EU que não é novo, mas que se apresenta entre os Res de repetição...

A Armadilha significa, inventa, busca, vê pensa... A Armadilha também é RE: ressignifica, reinventa rebusca, revê, repensa, Mas, acima de tudo, a Armadilha REencontra na língua o dizer e o discurso...



Jornal "A Semana" | Rua Daniel Moraes, 50, bairro Aparecida | 89520-000 | Curitibanos | (49) 3245-1711