Curitibanos,
35anos barrra.png
35anos barrra.png
  

FÉRIAS, NÃO FOLGA

17 Julho 2018 08:32:00



O texto de hoje, leitor, pensa em valorizar o período em que podemos não trabalhar e, mesmo assim, sermos remunerados. Sim, estou falando das férias...

Férias é uma palavra engraçada. É um substantivo feminino plural que significa a época de repouso após um ano de trabalho.

Férias hoje não existe no singular, mas há muito tempo nasceu do nome dos dias da semana e sua significação de folga era somente de um dia, por isso se dizia Féria.

Era um dia da semana de descanso, de féria ou, como dizemos hoje, de folga.

Alguns séculos depois, associou-se a essa folga semanal, uma mais longa, anual o que hoje conhecemos como Férias.

Assim como férias, há outras palavras em português que hoje só existem no plural. Em algum momento da história já tiveram singular, mas o sentido hoje só se faz no plural

Alguns exemplos:

as condolências (alguém deseja condolência, só uma?)

as costas (nunca vi dizerem costa, só como sobrenome: João da Costa)

as fezes (como direi? Não digo...)

as núpcias (não deve ser no singular, aliás deve ser para a vida inteira)

os arredores (um arredor?)

os parabéns (como não desejar muitos?)

os pêsames (como desejar pouco?)

os picles (bom, se é picles é sempre plural, misturado)

Então, que as férias sejam sempre plurais de experiências, cheias de aventura e novidade para que a energia do trabalho seja recomposta e o desejo de vida seja revigorado.


JORNAL "A SEMANA"
Rua Daniel Moraes, 50, bairro Aparecida
89520-000  -  Curitibanos/SC  -  (49) 3245-1711