35anos barrra.png
35anos barrra.png
  

Da sacada

26 Abril 2018 09:08:00

Natália Sartor de Moraes


(Imagem: Divulgação)

Que sempre existam sacadas. Que um cronista jamais se divorcie da dele. Que seu circunspecto descaramento seja inteligente o bastante para examinar a todos sem ser notado.  

Da sacada vejo o garoto - mochila nas costas, tédio na cara, passo acelerado - rumo à universidade. Chamo de garoto, mas há poucos anos era eu indo para a faculdade, e me achava grande.

Da sacada contemplo a jovem mãe chegando com as crianças, o maior caminhando à frente, a menor correndo para alcançar. Dois enormes pacotes de salgadinho nas mãos da mãe. Sorrisos de antecipada satisfação nos olhos gulosos dos filhos. Felicidade garantida. Sódio e gordura umbilicalmente conectados à plenitude. Continue Deus abençoando a inocência.

Da sacada detecto a chegada do vizinho pilotando o carro novo. Assobia contente o afortunado. Pena (ou Providência) que nos acostumamos rápido às coisas e a alegria fugaz da mais recente aquisição em breve cederá espaço ao desconsolo resignado da impreterível rotina. Riquezas miseráveis exigindo seu quinhão.

Da sacada ouço um casal discutindo. De novo. É a terceira vez nessa semana. Em tempo algum a mãe do marido foi tão achincalhada ou a reputação da esposa tão questionada. Utensílio de vidro sendo quebrado. Limpa você, va ... lorosa companheira. Que um cronista possa servir de censor das palavras, quando preciso.

Da sacada é possível, ainda, ver o que não acontece, ouvir o que ninguém disse, sentir cheiro de história para contar, tocar o imponderável e atiçar o paladar com o sabor das mentiras legítimas.

Da sacada namoro o horizonte de rubi e nele projeto meus próprios moinhos de vento.

Da sacada me torno impermeável em face dos gemidos dos meus fantasmas.

Da sacada me resguardo dos aguilhoantes efeitos da solidão.

Da sacada cada brisa, cada gente, cada céu é um pretexto para lembrar que,

Da sacada,

Todo acontecimento é tema,

Todo balbuciar,

Fonema,

Todo brilho indistinto,

Poema.


JORNAL "A SEMANA"
Rua Daniel Moraes, 50, bairro Aparecida
89520-000  -  Curitibanos/SC  -  (49) 3245-1711